sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Ontem vivi em ti,
sangue quente,
vida ardente.
Pulsavas o sopro,
marcavas o solo
estendias conforto.
Acendi três velas,
três velas só para ti
queria-te forte
mesmo longe de mim.
Marco o passo,
sonho-te eterna
estás livre.

Sem comentários: