sexta-feira, 8 de junho de 2018

Um dia anunciaste a tua vinda: preparei o jantar como se fosse mais um dia na nossa vida.
"Não reconheceste o voo da águia, fugiste, por onde andas?

Voltei a sonhar furiosamente: o ar carregado de sal, as ondas impediosas, o vento a gritar.

"Não serei uma onda perdida na margem de uma praia qualquer. Soprarei para longe a espuma das águas revoltas,

Sem comentários:

Publicar um comentário