quarta-feira, 30 de maio de 2018

Perdi o caminho escolhido enquanto fui nascente, água corrente. Queria ter visto o teu rosto na margem adjacente. Roubo um minuto de fantasia e entrego-me aos teus braços. Conta-me mentiras, sussurra melodias.

Sem comentários:

Publicar um comentário